Vale do Aço - Tenente que prendeu advogada vira subcomandante

FABRICIANO – Principal responsável pela prisão da advogada C.L.L., de 34 anos, o tenente Flávio foi nomeado subcomandante da Polícia Militar em Coronel Fabriciano. A profissional foi acusada de tentar subornar policiais militares na noite do dia 10 de novembro ao oferecer R$ 10 mil a eles para que liberassem um homem que havia acabado de ser preso com um quilo de maconha na região do Bairro Ferroviários, em Ipatinga. Em Fabriciano, o oficial espera contribuir para a redução do alto índice de assassinatos. “Eu já tenho seis anos de Vale do Aço. Trabalhei em Ipatinga na companhia de ensino e treinamento, ou seja, na formação de soldados no Curso Técnico de Segurança Pública e também na formação de sargentos. Comandei por dois anos o setor oito da 138ª Cia. de PM, que compreendia os bairros Ferroviários, Ideal, Bom Jardim e Esperança. É, a meu ver, o setor mais complexo de toda a nossa região”, comentou Flávio, para acrescentar: “O setor oito tinha 56 mil habitantes e problemas de segurança pública das mais variadas ordens, principalmente homicídios. Esse ano de 2011 o setor cumpriu todas as metas estipuladas pelo governo do Estado em relação à redução de assassinatos e crimes violentos, violência contra o patrimônio, roubos e assaltos. Então foi um ano, para o nosso setor, bastante tranqüilo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Os comentários deixados no site são de inteira responsabilidade de quem escreve e as publica. Isentando assim de responsabilidade o autor/editor do site. Portanto, tenha responsabilidade com seu comentário!